Bob Dylan é acusado de abuso sexual de menina de 12 anos em 1965

Bob Dylan, de 81 anos, está sendo processado por uma mulher de 65 anos que alega que foi abusada sexualmente por ele quando tinha 12 anos. Segundo ela, em 1965 foi dopada com entorpecentes e bebidas alcoólicas, após o cantor ganhar sua confiança e ter se aproximado dela usando de sua fama.

Identificada apenas como J.C., a mulher vive em em Greenwich, no estado americano de Connecticut, e diz que foi abusada pelo cantor em várias ocasiões em abril e maio de 1965, tenho sido, inclusive, ameaçada com violência física.

Ela pede uma indenização pelos danos causados por "agressão, cárcere privado e imposição de sofrimento emocional". Nos documentos entregue à Suprema Corte de Manhantan, a mulher diz que Dylan tinha um "plano de molestá-la sexualmente e abusar dela", e que precisou de "tratamento médico" para lidar com "depressão, humilhação e ansiedade".

"A reclamação de 56 anos é falsa e será vigorosamente defendida", disseram os representantes do cantor ao site TMZ.

Outras Notícias

Madonna é clicada aos beijos com o namorado na Itália

Madonna foi clicada tendo momento romântico com o namorado, Ahlamalik Williams, durante sua viagem pela Itália. A rai...

Mato Grosso do Sul recebe do Ministério da Saúde mais 96.780 doses de vacina contra a Covid-19

Ao anunciar que o Ministério da Saúde liberou mais 96.780 doses da vacina contra a Covid-19, o secretário de Estado d...

Bombeiros reforçam combate aos incêndios no Pantanal, Bela Vista e região Leste

O Corpo de Bombeiros intensificou o combate aos incêndios florestais que ocorrem há vários dias na região do Carandaz...

PF apreende 187,6 quilos de cocaína em Naviraí

A Polícia Federal apreendeu no último sábado (21), 187,6 quilos de cocaína, que seriam transportados para o estado de...